O APRENDIZ DE SALVADOR DALI

Enquadro o céu. Prefiro não ser decifrável. Tolice é moldar por meios óbvios. Nem mesmo esconder traços. Como esconder as retas nas curvas? Linhas retas são cansativas; previsíveis!

Espaço, movimento, fecha-se o ciclo. Nesse convexo, dormem os sonhos. O sono se mistura na continua busca do inédito.

O espaço ainda me confunde. O tempo se alonga no traço que não é generoso. Muito menos explicável.

Por que derreter outros relógios no deserto?

A estática é a estética da estátua.

O mestre inquieto torce o longo bigode espanhol e diz:

- Por que o contorno? Não segue aquele movimento? Cada movimento dá o efeito aos possíveis e prováveis ângulos. - E a ética? - Na estética, sim. - Esteticamente imoral... - Conclua... esse... lamaçal!

Com olhar cortante, o aprendiz ajusta a tela entre as pedras.

- Enquadrar na horizontal, o surreal!... Recuo um pouco na transversal. Reforço a matiz. Matriz da paralela, perpendicular. Sensações! Sobreponho desejos. Realço sabores. Escondo alguns dissabores.

- Alguns? - Sim, alguns.

O mestre sorri ao dizer "bom aluno, bom aluno... Continue!"

- O passado calçou os pés. Libertei todos os futuros. - Todos?... - As particularidades não escondem as preferências das escolhas. - Ah!... O aprendiz é quase um mestre. - Refiz o que era impossível. Ficou irresistível. - Arrogância! Isso é opcional. Vai com alma nessa calma. - Agora é tarde para trocadilhos infames. As mãos voam da tela com trejeitos imperfeitos. - Esse é o começo desse conceito. - Pintar, e refazer a mesma janela até considerar bem mais que um simples conceito. - Ousado esse garoto... - Livro-me dos lânguidos e da languidez. Levo à livre loucura os lúcidos!

O mestre aplaude. - A partir de hoje tu és um... Mestre! - Obrigado! Nobre é não agredir a sua verdade que está implícita nos seus traços. Verdade rara e sensível. Devo-lhe o meu eterno respeito. Aceite os meus agradecimentos - e o aprendiz faz o gesto de reverência ao mestre do surrealismo.

Posts recentes

Ver tudo

ANJOS PROTETORES

Ninguém tem asas, voa e muda de lugar como Anjos. O privilégio de quem é protegido por Anjos é diferenciado dos mortais comuns. Andar descalço da prudência, desprovido de vigilância, não fazem invencí

NÃO APRENDI A SER SÓ

Não aprendi a ser só Sem a sua mão Perco a direção Sofro no descaminho Coração em desalinho Não aprendi a ser só Corro, fujo da sua ausência Quase morro na imprudência Dia sem sol, só mormaço Chega a

O COMEÇO DA CURA

O COMEÇO DA CURA Nesses dias Jesus estava sem paciência. Expulsou pessoas do templo, criticou duramente os fariseus... Definitivamente o Senhor Jesus não tem paciência quando pessoas mostram resistênc

  • Facebook

BRADESCO  1994

C/C 365459

CEF 2437 - 013

Poupança 00624049 - 0

Ministério Pastoral

Judson Santos

+ de 30 anos de

serviços prestados